Sobre a série Get Back dos Beatles

Assisti à Sére Get Back com as gravações do álbum Let It Be dos Beatles e fiz algumas observações que divido com vocês:

  • Billy Preston era a pessoa mais feliz do mundo tocando com os Beatles e deu uma contribuição fantástica.
  • Os Beatles se vestiam muito bem. Senti inveja do estilo deles e vontade de ter a capa vermelha do Ringo.
  • A coleção de guitarras do George Harrison era fabulosa.
  • Paul MacCartney se sobressaía. Tinha liderança natural e mais talento que os outros.
  • Ringo Star merecia mais reconhecimento.
  • Tinha uma bigorna do estúdio de Abbey Road. Uma Bigorna!!!
  • John Lennon mostrou uma versão inicial de Jealous Guy para a banda e ninguém deu bola.
  • Alan Parsons era um técnico obscuro na gravação de Let It Be. Parecia um figurante na série.
  • Nada é mais irritante do que a alça de queixo do capacete da polícia inglesa.
  • Dig a Pony é uma baita música e eu mal lembrava dela
  • Quando ps Beatles desistiram de fazer shows ao vivo eles privaram o mundo do prazer de vê-los tocar. Que lindo teria sido uma turnê do Álbum Branco ou do Sargent Peppers.
  • É curioso ver a Yoko Ono indo todo o dia ao estúdio para não fazer nada. Me deu uma ideia para série de animação adulta, onde se retratam várias situações importantes da história – Paixão de Cristo, Michelangelo pintando a Capela Sistina, homem primitivo descobrindo a roda – e em todas elas Yoko Ono assiste em silêncio.
  • E você meu amigo? O que achou da série?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s